quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Os Suspeitos de matar ambulante no Metrô é presos

"Não sou uma má pessoa", diz agressor de ambulante morto em SP


O pedreiro Ricardo Nascimento, 21, que aparece em imagens de vídeo agredindo um ambulante até a morte dentro de uma estação do metrô de São Paulo, disse nesta quarta-feira (28) que está "arrependido" e que não é "uma má pessoa" ao deixar a sede de DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).


Ele foi preso ontem à noite em Itupeva (interior paulista) por participar da agressão a Luiz Carlos Ruas, 54, na noite de domingo (25) na estação Pedro 2º do metrô, na região central da capital paulista.



A polícia de São Paulo prendeu na tarde desta quarta-feira (28) o segundo suspeito de espancar até a morte o ambulante Luiz Carlos Ruas, 54, dentro de uma estação do metrô no domingo (25). Alípio Rogerio dos Santos, 26, que era considerado foragido pela Justiça, foi preso na zona leste da capital paulista. Ele foi levado para a Delpom (Delegacia do Metropolitano), na Barra Funda, onde o inquérito foi instaurado. Ao chegar à Delpom, Santos foi chamado de "monstro", "covarde" e "assassino" por dezenas de pessoas que estavam no local. Parte dos presentes gritou: "vai morrer"

Nenhum comentário:

Postar um comentário